sexta-feira, junho 22, 2007

Ontem

em conversa, eu a minha mãe a e a minha avó paterna.
A minha avó contava as peripécias de outros tempos. A minha mãe interpreta mal o que ela está a dizer e diz:
- A tua avó encontrava-se no palheiro com o teu avô!
- EU???? Mentira! (diz a minha avó)
- Então onde é que se desenrascava com o meu sogro? (adorei o termo usado pela minha mãe "desenrascava")
Entretato eu a rir à gargalhada.... e a minha avó a pensar no melhor termo para dizer
- Então... era ao Luar!
(eu já de lágrimas nos olhos...)
- Ó mãe, então e tu, onde é que te desenrascavas? (pergunto eu)
- Ah... cala-te... eu não gosto de falar nisso, tenho vergonha! (OK! tem vergonha, mas pergunta aos outros... certissimo...)
- AO LUAR!?!?!?!? NA RUA?!?!?!?! E se alguém visse???? (a minha mãe, ainda sobre o luar, para a minha avó!)
- Olha... o teu interessa é que ninguém viu!
- Ó mãe então isso significa que contigo foi em casa? Foi?
- Não! A tua avó não me deixava sozinha...blá blá blá (todas as histórias de namoro e mais algumaa, qd comprou a pilula pela 1ª vez e nunca chegou a usar) blá blá blá... mas eu tenho vergonha....
- OK!!! então se não foi em casa, foi no carro?
- Foi logo a seguir ao teu pai ter tirado a carta, foi!

E pronto, visto ter sido feita à primeira, fiquei a saber onde fui concebida!

2 comentários:

Carla Isabel disse...

LOL

LOL
LOL
Olha a minha mãe diz que foi virgem para o casamento...nao sei nao ...o meu pai tem ar de atrevidote!

Bjs

Carla

Costinhas disse...

e por acaso não sabes se quando começaste a palrar não foi com um brruuummm brruummm, não?! :p

lol

(respondi à tua pergunta)