quarta-feira, abril 12, 2006

metro, 3 senhoras e eu.
Elas conversam sobre o dia de amanhã, diz uma:
"Dão a tarde, mas nós que somos do turno da manhã temos de vir trabalhar, as do turno da tarde não metem cá os pés"
Diz outra:
" Ainda por cima, tanto trabalho"
Diz a outra:
"Ó pá, muito trabalho nada, não vês que amanhã ninguém trabalha"
Eu penso: "Eu trabalho"
Diz a outra :
" E quem trabalha é Parvo"
Eu penso:
"OK, eu sou Parva" [Só pelo facto de trabalhar amanhã]

11 comentários:

Gambozina disse...

Ok, então já somos duas parvas!

Costinhas disse...

três, comigo!

(mas só sou meio-parva, porque não trabalho na segunda :p)

Cris disse...

bem, não tenho outro hipótese senão dizer que sou a 4ª parva!
É uma estupidez, as pessoas deixam de ser profissionais. Deve de ser horrivel quando o trabalho passa a ser um sacrificio.

flores disse...

ok, mais uma parva. Se bem q acho q a parvoíce me vai passar segunda e terça-feira.

carla disse...

Mais uma parva para o clube!!

tulipa_negra disse...

bem, grande quantidade de parvas há neste país! eu também trabalho amanhã... será que amanhã também é feriado e eu não dei conta?

Catarina disse...

Junto-me ao grupo das Parvas... :s

Šaяa disse...

Mais uma aqui!! :s

Anónimo disse...

Hehehe, espero que isto não seja um clube reservado a senhoras. Só queria mesmo dizer que também sou parvo. Eu já desconfiava que este país parvo, governado tanto tempo por gente parva, so podia ter habitantes parvos. Que parvoice.

Luís disse...

Então quem trabalha hoje, sábado e domingo o que se pode considerar? Um anormal...
:-)

Gi disse...

Eu não trabalhei porque estive de férias, infantário fechado, senão apesar da tolerancia, também tinha vindo trabalhar, pois o meu saldo de horas está no negativo e eu não gosto...