segunda-feira, agosto 29, 2005

Um dia diferente de praia

Ora, este fim de semana lá fomos à praia, como é habitual. Já que não temos férias no verão aproveitamos para fazer praia ao fim de semana.

Na praia onde vamos sempre, está a decorrer um campeonato mundial de um desporto do Mar. Quando estes eventos acontecem, a praia que acolhe o evento, enche-se de pessoas. Umas porque vão para lá para treinar, outras porque sempre foram para lá e outras porque aquela praia é que está a dar, é nela que estão os prós todos...

Bom, então, estavamos lá com o grupo habitual, deviamos de ser uns 12. Ao nosso lado estava um grupo de surfistas. A maior parte deles resolveu entrar no mar, ficando em terra duas raparigas que por acaso eram gémeas.

Eu estava deitada na toalha, quase a começar a dormir, quando ouvi umas palavras menos bonitas em tom de ameaça. Levantei a cabeça, só para ver o que se estava a passar, quando vi um grupo de umas 8 raparigas virem direito a estas duas que estavam ao pé de nós. No meio da gritaria e peixeirada, ouvi "...Tu é mais que eu, até és mais P*** que eu..." e com esta frase iniciou-se um ritual de quedas, pontapés, murros, puxões de cabelos, dentadas ...
Por momentos pensei que estava a haver um concurso de quem come mais areira... no meio desta confusão, uma pessoa do nosso grupo foi lá tentar separa-las (em vão) porque achou que era uma luta injusta, 8 ou mais contra duas...

No meio da confusão uma senhora de outro grupo, também correu em auxilio das jovens, esta teve mais sorte que a do nosso grupo, pois foi confundida com uma das outras e teve direito a alguns murros e puxões de cabelos....

Digamos que aquilo ficou feio, muito feio e no final meteu policia maritíma e nadadores salvadores....
Mas as duas miúdas chegaram para as outras todas que sairam de rabo entre as pernas derrotadas naquela batalha, porque pelo que percebi, a guerra ainda não acabou. Uma das gémeas ao ir embora gritou-lhes "Amanhã à mesma hora". O nosso grupo ficou triste, visto ninguém estar de férias e não poder assistir a nova batalha. Ainda pedimos para mudarem a hora, mas acho que foi em vão...

O que é que se passa com as miúdas de hoje???

3 comentários:

Sara S disse...

ahahaha lol!!
Uma dessas duas deve ter roubado um surfista a uma dessas 8 ....

Catarina O. disse...

Também me parece que a razão é essa (post da Sara S)!!
Que idade teriam?
Nem a idade justifica este tipo de comportamentos...

Eu disse...

inicialmente pensei que teriam por volta dos 17/18 anos, mas agora que penso melhor no assunto, acho que deveriam ter à volta dos 13/14 anos, ainda estavm a formar o corpo... muitas ainda nem peito tinham...